Revista Baiana de Enfermagem

O Programa publica a Revista Baiana de Enfermagem (RBE) tem periodicidade trimestral e Digital Object Identifier (DOI®). A RBE adota como método de análise/avaliação dos manuscritos o sistema Double Blind Review, ou seja, às cegas e por pares de especialistas na área, com elevada titulação acadêmica, sendo preservado o anonimato das autora(e)s e revisora(e)s.
 
O periódico está em circulação desde 1981, e em 2010, passou a ser publicada na internet, com acesso pelo endereço: Link
 
No ano de 2013 foi ampliado o quadro funcional da RBE mediante alocação de uma enfermeira, técnica-administrativa, doutora em enfermagem, que, desde então, responde pela gerência editorial. Houve também a incorporação de uma estagiária, com o objetivo de impulsionar a Revista e fortalecer sua qualidade na perspectiva de que alcance classificação superior na próxima avaliação de periódicos.
 
Desde 2014, a Revista Baiana de Enfermagem conseguiu regularizar sua edição com publicação de todos os números correspondentes ao ano. Estabeleceu-se, como meta principal para os próximos dois anos, a indexação da Revista em bases de dados de maior abrangência nacional e internacional, assumindo-se o compromisso de manter atualizadas suas edições.
 
A RBE tem dado importante contribuição ao Programa de Pós-Graduação da EEUFBA. Atualmente é avaliada pelo Qualis/CAPES, o que a coloca em posição de maior destaque no âmbito nacional, com aumento de demanda para publicação, com a garantia de que artigos científicos de corpos discentes e docentes nela publicados darão impulso à avaliação no tocante aos critérios para os programas de nota 4. 
 
O amplo espaço físico para atividades administrativas e sala para reuniões evidencia a capacidade de crescimento da Revista, o que acompanha a sustentabilidade do Programa.
No segundo semestre de 2015 as bases de indexação foram aprimoradas:
 

Indexações:

  • RBENF
  • Academic Search Complete.
  • BDENF – Banco de Dados em Enfermagem.
  • BVS - Biblioteca Virtual em Saúde
  • CINAHL - Cumulative Index to Nursing and Allied Health Literature (Indexado)
  • CUIDEN - Base de Datos Bibliográfica de la Fundación Index.
  • EBSCO publishing (Indexado)
  • Fuente Académica Premier.
  • LATINDEX - Sistema regional de información en línea para revistas científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal.
  • LILACS - Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde. 
  • PERIÓDICA - Índice de Revistas Latinoamericanas en Ciencias (Indexado)
  • PROQUEST (Indexado)
  • Membro do Portal REV@ENF.
  • Fuente Académica e na CIBERE- Consejo Iberoamericano de Editores de Revistas de Enfermeria y afines.
 
No ano de 2016, foi implantado novo organograma da Revista Baiana de Enfermagem, com o intuito de atender aos requisitos que se fazem necessários para elevar suas potencialidades. Assim, organizativamente, a estrutura é composta por: Conselho Diretor, Editora Científica Chefe, Editora Científica, Editoras Associadas, Conselho Editorial, Editora Assistente e Secretária, atendendo a critérios para ampliar sua visibilidade e internacionalização.
 
A partir do volume 30, número 2 de 2016, as publicações de artigos da RBE passaram a ser na modalidade de fluxo contínuo (Rolling Pass). Neste mesmo volume as submissões puderam ser nos idiomas português, espanhol e inglês. 
 
Entre os anos de 2014 e 2016 foram publicados 136 artigos, com média de aceitação de 27,3% e tempo médio até a publicação 178 dias.
A partir do volume 31 de 2017, com o objetivo de internacionalizar o periódico, a publicação final dos artigos será bilíngue (português e inglês). Os custos das traduções serão assumidos pela(o)s autora(e)s após aprovação do manuscrito.
 
Merece destaque, ainda, expressar a performance da reestruturação da Revista com as recentes possibilidades alcançadas, como o aceite e a publicação do Termo de Convênio com a Fundação Escola Politécnica, o que em muito facilitará as garantias de prazo e qualidade das publicações do periódico.